fao globalsoilpartnership

A proposta de protocolo foi apresentada inicialmente na assembleia Plenária da Global Soil Partnership (GSP) em junho de 2018 e o documento revisto e aprovado pelo ITPS foi apresentado durante a realização da 7ª Assembleia Plenária da GSP.

O protocolo tem por objetivo fornecer uma estrutura, com base num conjunto de indicadores, que permita verificar se as práticas de gestão do solo implementadas são sustentáveis e em linha com a definição de Gestão Sustentável do Solo (SSM) da Global Soil Partnership's ( GSP).

A medição dos principais indicadores permite a avaliação da capacidade de um solo de manter os serviços ecossistémicos priorizados e melhorar a produtividade e o rendimento dos agricultores. Este documento baseia-se no trabalho existente da Parceria Mundial do Solo (GSP) da FAO - a “Carta Mundial do Solo” (WSC) revista (FAO 2015), o relatório “A Situação Mundial dos Recursos do Solo” (SWSR) (FAO e ITPS, 2015) e as “Diretrizes Voluntárias para a Gestão Sustentável do Solo” (VGSSM) (FAO, 2017).

Poderá aceder ao documento aqui.