1perfis.png
DSC00916.JPG
FIG-2.png
FIG32.png
IMG_1328.jpg
beterraba_sacarina.jpg
cao.JPG
cesar_rebanho.JPG
exotico.png
exotico2.png
exotico3.png
perfis-1.png
prado_Matela.JPG
slide1.png
vinha-douro.png
Anterior
Seguinte

Lançamento do satélite Sentinel-3A

esaA 16 de fevereiro foi lançado o satélite Sentinel-3A, o primeiro da missão Sentinel-3, que disponibilizará dados de média resolução de terra e mar que permitirão monitorizar e entender em maior profundidade as suas dinâmicas à escala global. Este satélite está integrado no Programa Europeu de Observação da Terra, o Copernicus.

O Sentinel-3A permite adquirir dados com uma grande cobertura (wide-swath coverage) e dispõe de diversos sensores (e.g. ótico, microondas, altímetro) sendo por isso considerada a missão Sentinel mais complexa.

A missão Sentinel-3 resulta da colaboração entre a Agencia Espacial Europeia (ESA), a Comissão Europeia (CE), Eumetsat, Agência Espacial Francesa (CNES), industria, fornecedores de serviços e utilizadores.

As principais aplicações desta missão são:

  • Dados de reflectância do meio terrestre e do mar;
  • Temperatura da superfície da Terra e do Mar;
  • Superfície do Mar e a topografia de zonas terrestres geladas;
  • Varrimento SAR de zonas costeiras, águas interiores e topografia zonas marítimas geladas;
  • Produtos de vegetação através de instrumentos óticos.

Lançamento

Lançador

Órbita

Dimensões

Sensores

Sentinel-3A: 16 de fevereiro de 2016

Rockot, a partir de Plesetsk (base espacial da Rússia)

Polar, heliossíncrona na altitude de 814.5km

2,2 m de comprimento; 2,2 m de largura, 3,7 m de altura e uma massa de 1150 kg (incluindo 130 kg de combustível)

OLCI (Ocean and Land Colour Instrument); SLSTR (Sea and Land Surface Temperature Radiometer); SRAL (Sentinel-3 Ku/C Radar Altimeter); MWR (MicroWave Radiometer) e POD (Precise Orbit Determination).

Ler a  notícia

Aceder ao vídeo neste site em:

 • Recursos/audio-e-video [Vídeo nº 44]

  • Acessos: 7386